sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Produtores renomados recriam músicas do Avec Silenzi no álbum “Avec V”

Crédito: James O’Maley

O post-rock instrumental do Avec Silenzi ganha novos contornos em “Avec V”, álbum lançado pelo selo holando-brasileiro Tropical Undergrounds em parceria com o paulista Sinewave. Um ano após divulgar seu terceiro trabalho, em 2016, a banda tem as cinco canções recriadas neste volume de remixes, reunindo alguns dos mais promissores nomes da cena eletrônica nacional e internacional. O disco já está disponível nos serviços de streaming de música.

Cinco produtores foram convidados a desconstruir as músicas de “Avec III”, com a missão de entregarem suas próprias interpretações. Os brasileiros Pigmalião, Sentidor e Bemônio marcam presença com os remixes de “Ela”, “Auristéla” e “Alicate”, respectivamente; já o argentino Pablo Crisci assina “Ratalizer” e, por fim, o espanhol Carlos Martín, conhecido como Mynationshit, entrega sua versão de “La Unique”.

A ideia é trazer novas propostas para as mesmas músicas, em um intercâmbio criativo. Em comum com as composições originais, os remixes têm a verve climática que o instrumental da banda é capaz de construir. Uma das bandas em destaque na cena independente carioca, o Avec Silenzi transforma sua música única e experimental em novas auras sonoras: ora serena, ora perturbadora, sem anseios de se apegar em apenas um conceito. Criativa, a obra de Renan Vasconcelos (guitarra), Rafael Ferreira (baixo) e Eduardo Souza (bateria) tem, além destes trabalhos, os álbuns “Avec I”, “Avec II” e “Avec IV”.

Banda formada no Rio de Janeiro em 2008, o Avec Silenzi percorre os caminhos do experimentalismo, traduzindo na harmonia dos instrumentos um pouco da imensa variedade musical do cenário post-rock. O gênero valoriza a mistura da raiva e calmaria, de sensações entre os arranjos e as texturas em cada riff de guitarra, grave do baixo ou virada da bateria. Através dessa simbiose camaleônica de artistas e nomes da indústria fonográfica, o Avec Silenzi transpassa ainda mais a amplitude de sua sonoridade e contorna de forma positiva novos ingredientes em sua trajetória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário