sexta-feira, 3 de março de 2017

BIKE solta “Enigma dos 12 Sapos” e anuncia novo baterista

Foto: Camila Mott

Dando sequência ao percurso de lançamento do seu segundo álbum, Em Busca da Viagem Eterna, a BIKE mostra mais um single: “Enigma dos 12 Sapos”. A faixa abre o disco (com previsão para o semestre vigente) e é a peça chave entre “1943”, o bem sucedido primeiro trabalho, e o novo momento da banda.

“A letra fala sobre o primeiro álbum como algo que aconteceu no passado, nos trazendo, então, para o tempo presente e dando a ideia de viagem, de continuidade, até chegar no futuro”, comenta Julito, vocalista da BIKE. Entre sapos verdes flamejantes, chimpanzés e fumaça roxa, o grupo começa a visualizar seus próximos passos. “Tivemos muitas dificuldades nesse caminho inicial, mas todas elas nos ajudaram a crescer como banda”, completa.

As mais de 50 cidades de 14 estados por onde a BIKE passou serviram de material para as faixas de Em Busca da Viagem Eterna. “Enigma dos 12 Sapos” chega como um diário de bordo dessas andanças - um pouco queimado do astro rei sol, mas ainda molhado pelo refresco elétrico que dá o tom psicodélico do grupo. Em suas páginas, pianos, synths e efeitos lisérgicos de vozes.

BIKE aproveita o clima de novidade para anunciar seu novo baterista, Daniel Fumega (Macaco Bong e Sara Não Tem Nome), que completa o time formado por Julito (guitarra e voz), Diego Xavier (guitarra e voz) e Rafa Bulleto (baixo e voz).

“Enigma dos 12 Sapos” foi gravado no Estúdio Wasabi em São José dos Campos por Diego Xavier e Hugo Falcão. A mixagem analógica e a masterização, passada pela fita de rolo, ficaram nas mãos de Rob Grant (Poons Head Studio, Austrália), que já trabalhou com artistas como Tame Impala, Miley Cyrus e Death Cab for Cutie.


Nenhum comentário:

Postar um comentário