terça-feira, 30 de agosto de 2016

Travelling Wave - Simoom / EP | O disco mostra a banda refletindo para dentro e não para fora. É muito mais polido e envolvente do que suas versões anteriores






































Travelling Wave foi rasgando buracos no cenário musical recente. Embora breve, a sua presença tem resultado em um punhado de shows de qualidade, incluindo uma tour por Argentina e Chile e canções que reverberam muito a qualidade da banda. Este ano, eles lançaram um EP de quatro músicas, Simoom construiu uma casa , e cada música possui o seu próprio cômodo com cargas maciças de 5 minutos. Além destas quatro canções, também é importante observar a experiência bombástica que é o Travelling Wave ao vivo.

Grandes coisas se movem lentamente, e que a lógica aplica-se a tudo isso. Cada membro da banda detém o seu próprio ritmo intenso na criação de uma montanha de som através de linhas que rasgam o shoegaze por dentro do noise em um clima gótico. A entrega vocal e as palavras fluem suavemente sobre o ruído, mas também é deliberada na colocação de cada sílaba. Especialmente no momento decisivo de cada canção, quando a emoção se torna avassaladora que se reflete na expressão instrumental.

Esse é um trabalho de estilo ousado que requer escutas repetidas e uma mente aberta. A atmosfera que ressoa a partir de ambas as faixas é algo escuro e convidativo, algo muito admirável para a estrutura simplificada que mantém tudo isso junto. Com estes dois elementos que trabalham juntos, Simoom é um EP que representa, na minha opinião, onde a banda deve olhar para o futuro. Leva influências de um monte de coisas diferentes ao mesmo tempo, souberam  combiná-las em um produto final que soe familiar o suficiente para não se perder , mas na enxurrada de referencias é  fresco o suficiente para manter sua atenção. E, mais importante, ele vai deixar você querendo mais depois que acabou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário