terça-feira, 12 de julho de 2016

Com apostas na resistência do rock, "Carteiro" é o 1° álbum da banda Edifício Garagem






































Edifício Garagem é o encontro entre músicos desconhecidos que decidiram experimentar um rock lo-fi pulsante, sujo e mínimo com pequenas crônicas e poesias que fazem recortes e críticas à sociedade contemporânea. O grupo é formado pelo quarteto imaginário e transnacional da mineira Cinara no baixo, do paulista Leone na bateria, do cearense Pepe nas guitarras e do paraibano Toni nos vocais. O conceito, as músicas e a produção musical são do artista multifacetado TucA. Tudo produzido e gravado intensamente no estúdio caseiro do Colégio Invisível.

"Carteiro" é o álbum de estreia da banda paulista. As canções foram criadas e organizadas como pequenas cartas sobre amor e política. As letras surgiram da inquietação com a crescente onda de ódio e de intolerância que se alastrou pelo mundo. Tudo muito visível quando falamos principalmente das redes sociais, da Internet e de atitudes extremistas que se manifestaram publicamente também no mundo real: ressurgimento de ideologias e seitas reacionárias e violentas; religiões que perseguem implacavelmente outras; atos de preconceito e agressões a grupos étnicos, aos pobres, às mulheres, aos gays, lésbicas, transexuais e transgêneros. Um rancor que só gera violência e ignorância. Estamos na era do vapor. O dinheiro é a nova igreja. Os fiéis seguem seus milagreiros econômicos e suas promessas publicitárias. Um retrocesso inimaginável para a humanidade. Especificamente no Brasil esta situação é gritante. Os ânimos da população brasileira se exacerbaram com os últimos acontecimentos políticos do país, que se dividiu praticamente em dois polos extremos. Por isso há presença constante da urgência no álbum.  A urgência da poesia, da resistência e do rock brasileiro. Somos um grupo de músicos e indivíduos que rejeitamos qualquer tipo de discriminação, de violência e de exclusão. Retrocesso jamais.
Ouça e faça o download AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário