quarta-feira, 24 de junho de 2015

Enxaqueca é o primeiro disco cheio da LuvBugs


Formada por Rodrigo Pastore (guitarra/voz) e Paloma Vasconcellos (bateria), a LuvBugs lança Enxaqueca, seu primeiro disco cheio com o consistentemente e maravilhoso lo-fi- indie- alternativo.

Suas melodias cativantes e letras enganosamente simples trazem à mente os burburinhos radiofônicos dos anos 90, notas baixas de ressonância, linhas macias de bateria e um vocal bastante singular, que, misturada com a natureza extremamente pessoal de suas letras, faz sua música soar perfeitamente em casa na era do Twitter e Tumblr, onde os jovens estão mais à vontade para discutir suas inseguranças com seus seguidores do que eles estão com seus amigos da vida real.



O poder da música da banda vem de sua capacidade de ser altamente pessoal e quase universalmente relacionável. ”Não há nenhuma tragédia neste álbum, para salvar as pequenas tragédias que experimentamos na vida diária”. As relações disfuncionais, brisas florais de verão, sentimentos dos mais difusos são os principais temas líricos.

A importância das letras não deve sublinhar a música pura do álbum. ''Enxaqueca'' é uma pequena joia de um álbum pop, e que é ao mesmo tempo familiar, refrescante e original. As músicas são incrivelmente cativantes, as melodias têm uma certa doçura, dando a entender que  foram escritas para amigos próximos e constantes. Um emocional violente de ideias e sentimentos, e você provavelmente vai ter pelo menos alguns bons versos presos em sua cabeça depois de ouvir o álbum. Enxaqueca ajuda a acentuar a urgência da música.

Nenhum comentário:

Postar um comentário