domingo, 1 de março de 2015

Star 61 - Da Constelação de Cisne* para o mundo.


A Star 61 surgiu em meados de 2003 e desde então não para de acontecer. Criada por Flaviano André, nos vocais, letras, músicas, violão e guitarra, a banda é atualmente composta por João Pedro na guitarra,Eder Munhoz no baixo e Marcelo Bonaldi na bateria.

 O grupo aposta na idéia simples e funcional de Flaviano, em sintetizar experiências, encontrando no feeling os elementos essenciais para suas composições. O resultado é empatia imediata à primeira audição. Para entender essa química, imagine a junção do glamour de artistas como T-Rex e David Bowie, composições à La jovem guarda e performances estilo Secos & Molhados e Iggy Pop, tudo isso numa só banda. Difícil? Não.





A proposta da STAR 61 é exatamente reviver esse brilho e criatividade de décadas passadas, tudo com bastante irreverência e toques de novo milênio. E, lógico, atitude rock. Os shows são hoje a maior forma de divulgação da banda, sempre muito comentados e divertidos, conseguem arrancar aplausos de qualquer tipo de público. Prova disso foi à participação do grupo no festival MADA, em Natal/RN, sendo apontado pela imprensa nacional como a revelação do evento; e Abril Pro Rock, em Recife/PE, coroada com a vitória da etapa Recife do festival nacional Claro Q é Rock, com o prêmio de 15 mil reais em instrumentos musicais e show na grande final do concurso, em São Paulo, abrindo para bandas do porte de Sonic Youth, Nine Inch Nails e Stooges.


Tamanha exposição rendeu ao grupo participações em programas de rádio como o Grind, da Rádio MIXBRASIL e no projeto 2em1, abrindo para Bide ou Balde no Blen Blen, uma das principais casas de show de São Paulo, e ainda a participação no Festival Laboratório Pop - O Novo Rock do Brasil, que reuniu no Teatro Odisséia da Lapa, no Rio de Janeiro, 34 bandas independentes de todo o país. Ainda no currículo, a banda tem a indicação ao prêmio Dynamite de Música Independente, na categoria banda revelação 2005, isso sem falar na constante participação da Star 61 em Festivais de sua cidade e pelo Nordeste, a exemplo do Radiola Acústico, em Sergipe e o Festival Dosol em Natal/RN(2008),e entre outros projetos.

Com tantas conquistas e com um público já tradicional e cativo, a banda está de formação nova e residindo agora em São Paulo. Isto é só mais uma amostra do que a Star 61 ainda quer festejar... E haja purpurina!

*Descoberta por Bessel, a estrela de número 61, da constelação de Cisne, está a cerca de 64 trilhões de milhas da Terra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário