terça-feira, 28 de outubro de 2014

Ouça - Baby Lixo - Bon Appetit, Sucuri (2014)


O primeiro EP da Baby Lixo, Bon Appetit, Sucuri, reúne 7 canções do compositor e produtor Heitor Dantas, concebidas entre 2007 e 2011. A co-produção do álbum é de Jorge Solovera.

Norteados pela idéia de que estavam fazendo um EP de rock, os dois buscaram uma sonoridade mais áspera na gravação, tentando fugir da tradicional estética pop. Acabada a gravação, foram ainda adicionadas às faixas recortes de seriados e desenhos de tv, além de barulhos e efeitos advindos de diversos bancos de som, usados por Heitor em trabalhos de publicidade.

Ligado à tradição dos cancionistas brasileiros e internacionais, Heitor Dantas sempre teve vontade de retomar a linha criativa desenvolvida por sua antiga banda, a Dorothy, que atuou entre o final dos anos 90 e início dos 2000. O grupo trabalhava com a desconstrução da canção popular, pensando a estrutura lírico-musical com a mesma liberdade que um compositor orquestral, um sound designer ou um engenheiro de mixagem.

Com 5 discos já lançados, além de participações em trabalhos de outros músicos e bandas, Heitor vem trabalhando com trilhas sonoras e produção musical. Entre seus principais trabalhos estão a trilha do passeio virtual Kirimurê (realizado pelo Grupo Indigente, da UFBA) e da instalação Miradas, de Maruzia Dultra. Além disso produziu em 2011 o disco "Agora Eu Sou o Silêncio" do grupo paulistano Tratak e o EP "A Realidade Difusa do Cotidiano" de Thiago David (RJ). Atualmente Heitor se dedica ao trabalho "Novas Aventuras no País do Som", de Tuzé de Abreu e ao trio de blues avant-gard Laia Gaiatta.

Depois de escolher 6 das músicas compostas - a faixa "Menino Tempo" foi incluída posteriormente -, Heitor passou o ano de 2012 se dedicando a pré-produção do material, todo gravado em casa. Em dezembro do mesmo ano, o EP começou a ser produzido. A escolha de Jorge Solovera para co-produzir as faixas foi natural, dada a afinidade entre ele e Heitor que remonta de projetos musicais anteriores. Pela multiplicidade de gêneros presentes no seu currículo, o produtor foi ideal para entender o conceito de fragmentação/desconstrução proposto pelos arranjos.

Vozes, coro, percussão, cordas e metais foram gravados no Estúdio Base, que apoiou o projeto. Assim como as baterias, executadas pelo experiente Mauro Tahin. Baixos e guitarras foram gravadas pelo próprio Heitor no Estúdio Assim Sim, de Jorge Solovera.

Mesmo antes de ser mixado, o trabalho foi inscrito em algumas premiações, tendo participado com duas músicas ("Singulário" e "Henry Miller Foi Mendigo") da Mostra Sesc de Música 2013 e da coletânea on line Bootleg 13´ do site Outros Críticos (PE).

O disco foi mixado e masterizado entre final de 2013 e começo de 2014 por Jorge Solovera em seu estúdio e a arte gráfica é de Glauber Guimarães. O EP conta com participações de Ronei Jorge, Mateus Dantas, Orlando Pinho e Eduardo César.

O Bon Appetit, Sucuri foi lançado no dia 19 de julho de 2014, com um pocket show no Café da Walter (Salvador/BA), contando com a participação de Nancy Viégas (Radiola), Tuzé de Abreu, Uru Pereira e Grupo Sotakes. As músicas do EP foram acompanhadas pelo grupo instrumental Tentrio, formado por Thiago Jende (bateria), Eduardo César (guitarra) e João Marques (baixo).
Integrantes:
Eduardo César: guitarra e voz
Thiago Jende: bateria e voz
João Marques: baixo e voz
Heitor Dantas: guitarra, piano e voz

OUÇA

Nenhum comentário:

Postar um comentário